Artigos

DICAS PARA TER UMA BOA DR |Central Psicologia

DRRelacionamento amoroso é algo bastante especial. É encontrar no outro a falta que está em si e mesmo sendo tão diferentes, é aceitar cada singularidade e abraçar o que há de melhor nela. Amar é o que te movimenta e é algo crucial para o desenvolvimento mutuo. Relacionamento é necessário a atenção e a dedicação dos dois lados para que se sustente de maneira harmoniosa.

Em alguns momentos, dificuldades e desentendimentos irão surgir e é algo que todo relacionamento precisa passar, para que assim o mesmo possa se fortalecer. É passar pela tempestade para ver que o brilho do sol é mais lindo. Discutir relação é uma atividade bastante saudável se for feito com calma e sempre se permitir escutar o outro. Embora seja assustador passar por uma DR, quando bem manejada, trará sempre coisas boas.

Abaixo listo algumas dicas para seguir durante a DR e ser bom para ambos os lados;

Toda DR precisa ser clara na comunicação, entender sobre o que o outro está falando. Não coloque assuntos paralelos, fale sobre fatos que aconteceram e não use palavras exageradas como “você nunca me amou” ou “você sempre faz isso”. Ao colocar assuntos paralelos, estará fugindo do objetivo dessa DR e não terá bons resultados se assim ocorrer.
Nunca realizem um DR quando estiverem de cabeça cheia, com raiva ou tristes. Devem estar calmos para tal e separem um dia para ter a DR. Isso é algo especial e necessário para o relacionamento, um jantar ou um passeio são momentos bons para isso. Deixe a pessoa ciente de que esse dia será reservado para priorizarem o casal, sua importância e o apreço pelo relacionamento.
Lembre-se que a pessoa na qual se relaciona é adulta, trate essa pessoa como tal. Vocês estão na mesma posição, não se coloque como superior ou queira ensinar algo punindo a pessoa. Isso inferioriza a pessoa e assim ela pode acabar se traumatizando mais nas DRs, degradando mais o relacionamento.
Se coloque no lugar do outro, entenda a dor da pessoa. Veja o ponto de vista dela entenda pelo o que ela está passando. É calçar os sapatos do outro e ver onde aperta. É criar empatia pelo outro, ser mais humano com ela e entenda que ela também está sofrendo.
Faça essa pessoa se sentir bem depois de passar por uma dr, que suas criticas sejam construtivas e nunca as machuquem. Lembre-se que embora a pessoa esteja errando, provavelmente esteja fazendo por um bom motivo, não menospreze suas atitudes. Dessa maneira a pessoa vai se sentir confortável em conversar contigo e esses momentos não serão temidos.
Relacionamento é algo que precisa de interação e manutenção dos dois lados, nunca será uma via de mão única. Discutir a relação é algo necessário para que o relacionamento se fortaleça e com isso, ambas as partes crescerão de maneira saudável.

 

Fonte: Caio Augusto Melville de Souza Zanis. https://centralpsicologia.com.br/artigo/dicas-para-ter-uma-boa-dr (acessado em 06/08/2019)

Deixe uma resposta