Artigos, Maquinações

O QUE É O TRANSTORNO BIPOLAR? MITOS E VERDADES

Antigamente chamado de “Psicose Maníaco-depressiva”, o Transtorno Bipolar ocupa espaço não apenas em filmes, séries e livros, mas é termo cada vez mais frequente no dia-a-dia das pessoas.

Hoje é comum ouvirmos frases como “Fulano hoje está bipolar”, “Tenho me sentido bipolar ultimamente”.

Na verdade, o Transtorno Bipolar não é tão inofensivo quanto esta familiaridade do termo pode nos levar a acreditar.

Há vários níveis de gravidade para a Bipolaridade, todas com consequências mais ou menos importantes na relação do sujeito com sua própria vida.

Episódios de mania podem gerar conflitos e decisões intempestivas, gastos irresponsáveis, comportamentos sexuais de risco e exposição a situações de perigo. Episódios depressivos podem levar à incapacidade de trabalhar, produzir, se relacionar, e, no limite, ao suicídio.

Em suas manifestações mais leves, o Transtorno Bipolar é de difícil diagnóstico, e requer a atuação de profissionais experientes em saúde mental.

Alguns dos sintomas que podem se apresentar nos momentos de mania são:

– Disposição anormal, positiva ou irritável

– Redução da necessidade de dormir

– Aumento desmedido e repentino da autoestima (com possíveis ilusões onipotentes)

– Intolerância à crítica e à frustração

– Produtividade excessiva (por exemplo, no trabalho)

– Discurso acelerado e incoerente

– Perda da capacidade de foco

– Comportamentos de risco como gastos excessivos, promiscuidade sexual ou ausência de noção de perigo.

Alguns dos sintomas que podem se apresentar nos momentos depressivos são:

– Diminuição do interesse ou prazer em quase todas as atividades

– Perda ou aumento de peso / apetite

– Insônia ou necessidade de dormir muito

– Inibição / lentidão de movimentos

– Agitação / ansiedade

– Náuseas, alterações gastrointestinais

– Sensação constante de fadiga ou perda de energia

– Sentimentos de desvalorização ou culpa

– Pensamentos recorrentes acerca da morte, ideias de suicídio ou tentativas de suicídio

As fases maníaca e depressiva podem ser alternadas com momentos de normalidade. Estes momentos podem variar na sua duração e no tempo que decorre entre cada um deles.

 

MITOS E VERDADES SOBRE O TRANSTORNO BIPOLAR

Mito: A Perturbação Bipolar é só alteração de humor.

Verdade: Os altos e baixos da perturbação bipolar são muito diferentes das alterações de humor comuns. São alterações extremas, que afetam a energia, a concentração, a produtividade, o sono etc.

Mito: Pessoas com esta perturbação são perigosas.

Verdade: Esta condição não torna alguém obrigatoriamente violento ou perigoso.

Mito: É só uma desculpa para um comportamento imprevisível.

Verdade: A perturbação bipolar não é uma desculpa, é uma doença. O controle do que acontece está fora do alcance consciente do paciente.

Mito: As pessoas poderiam controlar a bipolaridade com mais força de vontade.

Verdade: Pelo motivo citado acima, não se trata de “força de vontade”.

Mito: O Transtorno Bipolar pode ser curado com dieta e exercício.

Verdade: O Transtorno Bipolar é uma doença que pode ser estabilizada, trazendo importante melhoria para a qualidade de vida do paciente. Para isso, é necessário o trabalho articulado entre psiquiatra e psicólogo.

Mito: O estado de Mania é produtivo, já que a pessoa está de bom humor.

 Verdade: Uma pessoa num estado de mania pode até sentir-se bem. Porém, a ideia de grandeza (ilusão onipotente), associada a comportamentos de risco, pode ser altamente prejudicial.

4 comentários em “O QUE É O TRANSTORNO BIPOLAR? MITOS E VERDADES”

      1. Olá, Camila!

        Pelo DSM-IV (Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais), são 2 os tipos de TAB.
        A característica essencial do TAB Tipo I é a ocorrência de um ou mais Episódios Maníacos ou Episódios Mistos. Pode haver também um ou mais episódios depressivos maiores.
        A característica essencial do TAB Tipo II é a ocorrência de um ou mais Episódios Depressivos Maiores, acompanhados por pelo menos um Episódio Hipomaníaco.

        Ou seja, no tipo 2 não há episódio maníaco.

        Atualmente, o TAB está sendo deslocado para um grupo de estados psicopatológicos afins, chamados de Transtornos do Espectro Bipolar.

        Grato pelo seu contato!

        Rodrigo Giannangelo
        Psicólogo e Mestre em psicologia

Deixe uma resposta