Artigos, Maquinações

5 FATORES QUE LEVAM AO CONSUMISMO

A compra desnecessária e/ou por impulso é uma face do consumismo que pode gerar grandes problemas financeiros, além de muita dor de cabeça.

É possível evitar esse consumo nocivo, porém, sabendo como nossa mente funciona diante de determinadas situações.

Abaixo, você vai conhecer 5 fatores que estimulam o comportamento de compra.

1. Efeito Diderot

Conta a história que o filósofo francês Denis Diderot (1713-1784) certa vez recebeu uma grande soma de dinheiro e decidiu comprar um luxuoso manto.

Depois disso, porém, percebeu que o restante de suas vestes, muito simples, destoava da nova peça. Por esse motivo, passou a comprar outras coisas igualmente caras e belas.

Com o tempo, Diderot torrou todo o dinheiro que ganhara e passou a se endividar.

O efeito Diderot acontece quando algo que compramos “eleva o padrão” e nos faz avaliar o que já tínhamos como inadequado ou insuficiente.

2. Medo do futuro

Esta é uma tendência de consumo cujo objetivo aparente é antecipar e evitar problemas futuros. Contudo, o consumo costuma ser desnecessário e exagerado, porque está baseado na irracionalidade do medo da privação.

Por exemplo, no começo da atual pandemia, os noticiários mostraram pessoas no mundo inteiro comprando enormes quantidades de produtos como alimentos, remédios e produtos de higiene e limpeza.

3. Alívio de sentimentos desconfortáveis

Para a maioria das pessoas em nossa sociedade, o consumo tem um efeito agradável, o que pode torná-lo uma estratégia para alívio de sentimentos ruins, como ansiedade, raiva e frustração.

4. Sensação de valorização / pertencimento

Aqui, o olhar do “outro” entra em jogo. Em nossa sociedade, a importância atribuída aos bens materiais faz com que as pessoas sejam valorizadas conforme sua capacidade de consumir. Baseadas no mesmo critério, criam-se divisões / classes sociais.

Assim, as pessoas são incentivadas ao consumo, seja para se sentirem mais valorizadas, seja para se sentirem aceitas ou pertencentes a algum grupo que admiram.

5. Sensação de perder um “bom negócio”

Com a criação de promoções, liquidações e descontos as empresas exploram este fator amplamente.

A percepção de que determinada compra é uma oportunidade única e muito vantajosa incentiva o consumo, mesmo quando ele é obviamente desnecessário.


E você, conseguiu se controlar ou aderiu ao consumismo?



Conteúdo relacionado:

ENTRE EM CONTATO:

Psicólogo Rodrigo Giannangelo
CRP-SP 56201

Mandar mensagem pelo WhatsApp

No fim da página, inscreva-se gratuitamente para receber as atualizações!




Imagens: Pixabay.com


Fonte de consulta: https://www.uol.com.br/vivabem/noticias/redacao/2020/10/16/compra-muito-veja-6-armadilhas-da-mente-que-motivam-ato-e-como-dribla-las.htm

Deixe uma resposta