Artigos, Maquinações

POR QUE MEU APETITE MUDOU NA QUARENTENA?

A premissa que associa a alimentação a aconchego ou a hostilidade, construída em momento precoce, pode ser levada pela vida afora, até a fase adulta. Em outras palavras, o ato de comer costuma ter implicações afetivas que vão além do que podemos racionalmente conhecer ou controlar (e quantas pessoas sentem raiva disso!). Por isso, situações afetivamente significativas podem alterar o apetite e o paladar.

Fome ou vontade de comer, eis a questão!   Oficina Psicologia
Artigos

Fome ou vontade de comer, eis a questão! – Oficina Psicologia

A sua fome é física, ou emocional? Sabia que existe mais de um tipo de fome? Existe a fome física ou biológica, aquela que faz o nosso estômago “falar” e que gera aquela sensação de fraqueza. O corpo fala, sente necessidade de alimento para manter as suas atividades básicas. Essa é a fome que gera… Continuar lendo Fome ou vontade de comer, eis a questão! – Oficina Psicologia